quinta-feira, setembro 17, 2009

A enganação dos falsos terreiros


Quem procura ajuda espiritual, geralmente o faz nos piores momentos da vida. Quando o mundo desmorona e a pessoa não encontra solução para seus problemas, sai em busca de gurus, igrejas, templos, terreiros, centros ou qualquer outro lugar que ache que lhe oferecerá respostas para suas perguntas.
Conheço muitas pessoas que, fragilizadas pela dor, caíram nas piores armadilhas que se possa imaginar. Os problemas são os mesmos: a dor da perda de um amor, a morte de um ente querido, desemprego, filhos problemáticos, vícios, doença na família.
Com o coração destroçado, as pessoas vão aos terreiros em busca de ajuda e consolo. Mas, na grande maioria das vezes, se deparam com espertalhões, que vivem de explorar a fé de quem já perdeu tudo.
Conheço inúmeras histórias, as mais absurdas possíveis. Gente que promete solução imediata para todos os males, a custa de um dinheiro exorbitante, valores irreais! Cega pelo desespero e pela esperança de ter seu problema solucionado em 21 dias, a vítima vende o que tem, faz empréstimo com juro altíssimo e acaba arranjando problemas muito maiores.
Passados os 21 dias prometidos, nada de resultado, quando não acontece o contrário. A pessoa cobra resultado e o pai ou mãe de santo fica agressivo, faz ameaças e assusta a vítima.
Com medo, as pessoas simplesmente se conformam com o prejuízo e não denunciam, pois sabem que feitiço para o mal todo mundo sabe fazer. Só as coisas boas que ninguém faz pra ninguém.

Apesar do prejuízo financeiro, do desgaste emocional e a frustração de não ter tido seu problema solucionado, a pessoa acaba caindo nas garras de outros espertalhões, sempre na tentativa de consertar o erro do vigarista anterior.
Assim aconteceu com quase todo mundo que eu conheço, que procurou terreiro aqui em Goiânia. Muitas vezes a pessoa tem um problema, e acaba arranjando muitos outros problemas e se afundando em dívidas imensas.
Histórias verídicas
As histórias seriam cômicas, se não fossem trágicas. Tenho um amigo, biólogo, bonitão, 38 anos, filho de um político influente, que caiu numa dessas armadilhas. Na tentativa de voltar para a esposa, após a separação definitiva, ele foi levado, por uma parente, a uma dessas macumbeiras que fazem milagres no amor.
A tal “mãe-de-santo” pediu que ele levasse um urubu para fazer um trabalho. E foi assim que meu amigo passou cinco noites consecutivas indo ao lixão. Isso mesmo, como ele trabalha o dia inteiro, só tinha a noite livre. E lá ia ele, todas as noites, com uma gaiola imensa para pegar o tal urubu. Ele ficava à espreita, sufocado pelo cheiro horrível do lixão, e nada da ave entrar na gaiola cheia de petiscos para atraí-la.


Chegou a sexta-feira do trabalho e o biólogo não conseguiu o urubu. Então, a “entidade” o autorizou a substituir o urubu por uma galinha preta. Mas tinha que ser “totalmente preta, inclusive o bico e os pés”. Meu amigo passou o final de semana andando por todas as feiras da cidade e municípios vizinhos. Depois de muita andança, ele finalmente encontrou sua galinha 100% black. A pobrezinha foi sacrificada em vão. Passados 21 dias, nada da mulher voltar.
Então, meu amigo e sua “mãe-de-santo” estiveram em cachoeiras, matas e cemitério fazendo trabalhos, cada um mais caro que o outro. Ele sempre com medo que alguém descobrisse que ele estava metido com essas coisas. Após seis meses de gastos exorbitantes com os trabalhos, finalmente ele teve notícias da ex-mulher. Ela estava morando com outra mulher! Sim! Meu amigo foi trocado por outra mulher!
Foram meses de trabalhos caríssimos para trazer a esposa de volta e ele finalmente teve comprovação do que todo mundo já sabia, mas ninguém tinha coragem de contar: a esposa (que é advogada) assumiu sua paixão por uma colega de trabalho.... E as duas vivem bem, até hoje. E o meu amigo? Me contou que está namorando com uma mulher, que conheceu lá na casa da “mãe-de-santo”, que também estava fazendo feitiço pro marido voltar....
Não, minha imaginação não é fértil. Caso verídico, não vou citar nomes, para não comprometer as pessoas envolvidas.


Freezer
Sei de muitas histórias absurdas, algumas impublicáveis. Tem uma diarista que faz qualquer coisa pra segurar o homem que ama (que além de casado, ainda tem uma outra amante...). Por conta dessa paixão, essa diarista não mede esforços e “investe” em macumba tudo o que ganha com faxinas pesadas, pra segurar o amado. Ela me contou que certa vez, tinha que levar uma galinha para fazer um trabalho e a tal galinha tinha que ser da região onde ela mora. Mas a diarista mora em Senador Canedo e o terreiro é no Nova Esperança (pra quem não conhece Goiânia, são dois extremos opostos da cidade.
A cliente ligou para a “mãe-de-santo” dizendo que não tinha como carregar a galinha em três ônibus lotados. Então, veio a resposta: “quando comprar a galinha, pede pro feirante quebrar o pescoço dela e você a traz morta numa sacola”.
Após atravessar a cidade em três ônibus lotadíssimos, com uma galinha morta numa sacola, a diarista finalmente chegou ao terreiro. Só que a “mãe-de-santo” havia se esquecido dela e tinha ido ao salão pintar o cabelo. Entretanto, as instruções vieram por telefone: “coloca a galinha dentro de um saco plástico no meu freezer, e na próxima sexta-feira você vem pra gente fazer a entrega”.
Uma semana depois, a diarista e a mãe-de-santo foram à encruzilhada, meia-noite, fazer um despacho com a galinha congelada, que já passava do sétimo dia! Resultado: o sujeito continua fugindo da diarista e a “mãe-de-santo” está com câncer, em estado terminal.
Mais uma vez ressalto que é história verídica.
Aqui não caberiam tantas histórias absurdas, sempre envolvendo muito dinheiro, despreparo e falta de respeito com o cliente e com as entidades.
No caso do biólogo, podem fazer a pergunta de sempre: Por que uma pessoa que estudou tanto cai numa armadilha dessa?


Respostas:
1 – Porque quem estuda é um ser humano igual a todos os outros, cheio de fraquezas e limitações.
2 – Porque quem estuda também tem sentimento e sofre com a perda de um grande amor.
3 – Porque pais e mães de “santo”, alguns semi- analfabetos, são diplomados pela escola da malandragem, sabem manipular, com maestria, as emoções e fraquezas de quem está fragilizado. Impiedosamente, sugam até o último centavo e a última gota da energia vital de suas vítimas. E a vítima se vê presa numa teia de aranha, sem saída, o que pode levar à loucura.
Além de terem vergonha de se expor, as vítimas também tem medo do mal que essas pessoas podem mandar-lhes como vingança. E assim, esses pilantras continuam impunes e sempre prontos a dar o bote na próxima vítima.
Quero deixar claro que eu respeito as religiões afro-brasileiras e que a nossa Constituição garante a liberdade de crenças e cultos religiosos. Sei que temos pessoas que dignificam suas religiões e ajudam muito quem os procura em busca de socorro espiritual.
Estou somente fazendo um desabafo em relação aos vigaristas, que, infelizmente, são muitos. Eu gostaria de saber: - Como esses falsos pais e mães de “santo” conseguem dormir tranquilamente, após destruírem vidas?

Maria José Sá

4 comentários:

Anônimo disse...

Eu acredito plenamente nas suas histórias(realidades)que existe muito manipulador isso é verdade,que se aproveita da fraqueza espiritual de outro ser humano é ignobil...nojento.Mas mais desumano é nao existir (ou se existe nao sao aplicadas) uma lei para punir esses doentes mentais e que dê mais garantias as vitimas para poderem se expor e divulgar sem represálias esses fenomenos.Aqui no pais dos direitos do homem acontece tanto
esse tipo de coisas , sao poucas as vitimas que fazem queixa na policia,porque esses manipuladores nao deixam rasto,tudo é calculado minuciosamente.
Eu nao acredito em bruxas,mas que elas existem...existem!

Bisous
Aninha

Sandra disse...

OLA! Fiquei muito feliz cim a sua presença na Curiosa.
Bom te ver amiga.
VIM AGRADECER A SUA VISITA E CONVIDAR PARA...
Amanhã, 22 de setembro, conto com a sua presença na CURIOSA, para comemomorarmos juntos esta data, tão importante para mim.
Pode vim. TE ESPERO.
Vai ser uma linda FESTA.
O CONVITE convite está feito.
DATA: 22.de setembro.
LOCAL::BLOG DA CURIOSA.

COM MUITO CARINHO.
SANDRA

Sandra disse...

Sou agora, a sua mais nova seguidora.
Legal.heheheheheh...

Volte sempre te espero lá amanhã.
Sandra

Sandra disse...

Ola!
Vim agradecer a sua presença na festa do meu aniversário.
A festa estava muito linda. Nossa, fiquei encantada.
Foi um dia muito especial e diferente na minha vida.
Nunca pensei que pudesse comemorar aniversário virtual, assim tão lindo e afetivo.
Sua presença foi de uma valia sem fim. agradeço seu enorme carinho e dedicação.
Fiquei muito, muito feliz com a sua presença.

Conquistar pessoas, não é assim tão fácil. Mas acredito que o carinho sincero que tenho dedicado a cada uma das pessoas que passam pelos em meus blogs, me faz ser cada vez mais querida e visitada.
É com todo este carinho que me dedico para fazer o melhor, para lhe oferecer.
Muito Obrigada pela presença.
Me senti muito orgulhosa, em receber você.

Com Muito Carinho
Sandra